Roda de conversa virtual encerra módulo de formações para professores e educadores infantis de alunos até 3 anos

Destaques Educação - Destaques Notícias

Especialistas embasam debates sobre como ajudar as crianças da primeiríssima infância a desenvolverem bem seu aprendizado com conversas, músicas, brincadeiras e leituras

Nesta quinta-feira (3), uma roda de conversa virtual para professores e educadores infantis da Rede Municipal de Ensino de Várzea Paulista encerrou um módulo de formações virtuais deste ano. A atividade contou com duas palestras de especialistas em desenvolvimento infantil e abordou desafios e perspectivas no falar, brincar, cantar e ler para crianças de até 3 anos. O desenvolvimento pleno da criança se dá ou não de acordo com a relação dela com o mundo exterior e todas as ações debatidas são muito relevantes para as conexões cerebrais dos pequenos até essa idade — fase conhecida como Primeiríssima Infância. O módulo é fruto de uma parceria da Unidade Gestora de Educação, Escola de Governo e Comitê Municipal da Primeiríssima Infância, órgãos da Prefeitura.

A roda de conversa foi mediada pela articuladora regional do programa São Paulo Pela Primeiríssima Infância, Lígia Bestetti. Para subsidiar os debates de ações a serem implementadas na cidade, duas especialistas palestraram: Dr.ª Maria Ramallo Veríssimo, professora associada e chefe do Departamento de Enfermagem Materno-infantil e Psiquiátrica da Universidade de São Paulo; e a Dr.ª Anna Luiza Gryschek, professora associada e chefe do Departamento de Enfermagem em Saúde Coletiva da Universidade de São Paulo.

O conjunto de atividades de capacitação de professores e educadores infantis abordou a fundamentação teórica do programa São Paulo pela Primeiríssima Infância, brincadeiras e brinquedos não estruturados, além de música e leitura para bebês.