Fake News são um desserviço à sociedade

Casa Civil - Destaques Destaques Notícias

Notícias falsas, antigas ou fora do contexto, com o intuito de confundir a população são a base do problema

As notícias falsas ou Fake News estão por todos os lugares, confundindo as pessoas, principalmente os usuários das redes sociais, como se fossem informações reais. Esse tipo de texto, vídeo ou imagem, em sua maior parte, é divulgado com o objetivo de prejudicar pessoas ou grupos ou validar um ponto de vista. As notícias falsas se espalham rapidamente e apelam para o emocional, fazendo com que as pessoas consumam o material sem confirmar se é verdadeiro.
Rede de boatos
As Fake News podem ser usadas para criar boatos, por meio de mentiras. Para legitimar as notícias falsas, quem produz e divulga esse tipo de informação, costuma misturar as publicações mentirosas com a reprodução de notícias verdadeiras de fontes confiáveis. As notícias falsas também utilizam a montagem em vídeos e imagens, fazendo com que um vídeo manipulado ou fora de contexto seja divulgado como verdadeiro.
Como escapar de notícias falsas?
Para se proteger contra as fake news, verifique sempre as informações recebidas e certifique-se da veracidade da notícia antes de compartilhar.

  • Confira a data da publicação. Uma notícia real, porém, antiga, pode causar pânico ou criar expectativas sobre alguma situação já resolvida.
  • A fonte realmente existe? É um canal com credibilidade? Há outras publicações duvidosas? Na dúvida, não compartilhe.
    Consequências
    Existem medidas previstas na legislação que podem ser aplicadas aos casos de criação ou divulgação de notícias falsas. Como os crimes contra a honra, previstos no Código Penal, como calúnia, difamação, injúria, que tem implicações também na esfera civil.