Pessoas sem máscara em público e estabelecimentos com clientes sem a proteção serão multados a partir desta quarta (1°)

Sem categoria


Quem estiver em local público sem máscara facial será multado em R$ 500; multa para comércios com indivíduos desprotegidos será de R$ 5 mil, por pessoa e por vez

A partir de quarta-feira (1°), quem estiver em locais públicos em Várzea Paulista e em todo o estado será multado no valor de R$ 500. Estabelecimentos de quaisquer tamanhos nos quais forem encontradas pessoas sem máscara sofrerão multa de R$ 5 mil, por pessoa e por vez. Segundo o governador de São Paulo, João Doria, que anunciou a medida na tarde da última segunda-feira (29), as Vigilâncias Sanitárias da cidade e Estado farão a fiscalização e aplicarão as multas, se preciso com apoio, nesse trabalho, da GCM (Guarda Civil Municipal) ou da Polícia Militar. O intuito é minimizar o não uso da máscara e manter as pessoas e estabelecimentos mais seguros contra a Covid-19.


Segundo Doria, quem for autuado precisará mostrar os documentos para que a multa seja emitida. Já os estabelecimentos comerciais serão multados de acordo com o número de pessoas sem máscara em suas dependências – se houver, no ato da fiscalização da Vigilância, dez indivíduos sem máscara, por exemplo, o total das multas aplicadas será de R$ 50 mil, ou seja, 10 multas sucessivas de R$ 5 mil, por cada pessoa encontrada sem máscara no local.


De acordo com o governador, o valor arrecadado será destinado ao programa Atendimento Solidário, pelo qual cestas serão adquiridas e distribuídas a pessoas em estado de pobreza.