GCM varzina ajuda a salvar a vida de mais um bebê, no Jardim Promeca

Casa Civil - Destaques

Guardas municipais prestam primeiros socorros, antes de desobstrução respiratória feita por enfermeiros da UPA da cidade

 

Na tarde de domingo (27), o trabalho da Guarda Civil Municipal de Várzea Paulista foi fundamental para salvar a vida do pequeno Allysson Fernando do Nascimento, de apenas um ano e um mês de idade, na segunda ação desse tipo em 2017. O SIC (Sistema de Inteligência e Comunicação) atendeu à solicitação e deu as primeiras orientações à mãe, antes da chegada das três viaturas envolvidas. Os guardas Ruiz, Renato e Ana prestaram os primeiros socorros à criança engasgada, na Rua Antônio José Alves de Moraes – Jardim Promeca. Logo depois, o bebê recebeu o atendimento de uma ambulância da UPA (Unidade de Pronto Atendimento) de Várzea Paulista e teve as vias respiratórias desobstruídas, com a respiração normalizada.  

 

Na UPA, a criança recebeu todos os cuidados, inclusive oxigênio, e foi liberada no mesmo dia, em bom estado. A mãe foi orientada quanto aos trâmites para o acompanhamento médico do caso.

 

Para o comandante da GCM, Pedro Eli da Cunha, esse tipo de atendimento é o melhor que um profissional da corporação pode exercer, já que permite fugir à rotina e por em prática o espírito do policial – sempre estar atento a uma situação de risco iminente. “Quando o guarda se depara com uma situação avessa às suas atividades, sabendo que aquela vida pura e inocente depende do agir do guarda, tudo fica diferente. Ele se desarma do ser de combate e vive aquela experiência única, que ficará na memória por toda a sua vida. É gratificante quando se sabe que o resultado de uma operação foi salvar uma vida, oxalá de um bebezinho”, explica.

 

A avó de Alysson, Maria Cristina, reconhece o esforço dos servidores para salvar o menino. “A GCM chegou bem rápido, orientou a mãe, e já chamou a ambulância. O atendimento foi muito legal”, declara. “Graças a Deus, foi tudo bem. Agora ele já está em casa, muito bem. Só tenho a agradecer a todos que nos ajudaram, em nome de toda a minha família. Muito obrigado e que Deus os abençoe! Não sabia que podia contar com a Prefeitura, dessa maneira”, complementa.

 

 

Vidas salvas 

 

Este ano, é a segunda vez que um bebê recebe essa atenção especial da corporação varzina. No dia 12 de maio, a equipe da Romu (Ronda Ostensiva Municipal) – GCMs Batista, Donizete e Joelton – atendeu a um chamado de Ariane Ferreira Albuquerque, mãe da recém-nascida Maria Eduarda (15 dias de vida), na Vila Real. A pequena estava engasgada com leite materno. Os guardas desengasgaram a criança e a conduziram à UPA (Unidade de Pronto Atendimento). Lá, o bebê foi atendido pelo pediatra, Dr. Igor, que liberou a criança para o retorno à família, na mesma data. 

 

 

Como pedir a ajuda da GCM

 

Em casos assim ou mesmo ilícitos, como roubos e furtos, os munícipes podem contatar a corporação varzina pelos telefones 153 ou 4596-7744. Os canais de atendimento funcionam todos os dias da semana, 24 horas por dia.