Guarda Municipal implanta base móvel de monitoramento

Casa Civil - Destaques
Veículo trouxe mais segurança à 10ª Orquivárzea
 
A Guarda Municipal de Várzea Paulista começou a utilizar sua primeira base móvel de monitoramento, no primeiro dia (29) da 10ª Orquivárzea – Festa da Orquídea. Segundo o comandante da GM, Laércio Bifani, o novo recurso, praticamente concluído, permite fazer imagens de longo alcance e identificar possíveis autores de tentativas de furtos ou badernas. “É uma ferramenta a mais”. 
 
No segundo dia do evento (30), foi instalada uma outra câmera, na parte exterior do veículo. Além das câmeras de video monitoramento de alta definição,há computadores e refletores de luz para captação de imagens noturnas. É possível ter imagens aproximadas em até 27 vezes, com abrangência de 360 graus na parte externa. Dessa forma, o monitoramento será feito com maiores alcance e eficiência. 
 
Para aprimorar o trabalho dos guardas municipais, também será possível fazer na base móvel boletins de ocorrência, analise do registro de documentação e de veículos irregulares.  “Todos estes dados poderão ser passados para outras viaturas e guardas em ronda em tempo real” informa o comandante da GM.
 
A base será também um sistema de apoio ao drone (modelo de aeronave não tripulada), um instrumento para vigilância de captação aérea. Uma empresa de internet via rádio fez a doação do sinal à Guarda Municipal para atender as demandas necessárias dentro da base móvel. “Estamos em parceria com a empresa” disse Laércio.
 
Já há profissionais capacitados para a operar a primeira base móvel. “Temos uma equipe preparada para atuar na base, como também outros guardas com suporte para as viaturas”, relata.
 
 
Proteção para a cidade
 
Com os serviços da base móvel será possível monitorar os bairros da cidade e efetuar a troca de informações entre a equipe da base e das viaturas com. O intuito é coibir a criminalidade e prevenir incidentes. 
 
Segundo o comandante, estudos mostram que o risco de criminalidade diminui com o Video Monitoramento, pois pessoas mal intencionadas saberão que estão sendo filmadas. “A gente vai utilizar em vários pontos da cidade”. 
 
 
Projeto amplo
 
O prefeito Juvenal Rossi conheceu a base móvel e fez questão de ressaltar o trabalho da Guarda Municipal. Os agentes receberam a antiga ambulância da Secretaria de Saúde e, em 15 dias, reformaram o carro. Com o apoio da iniciativa privada, surgiu o novo recurso de segurança, com tecnologia de ponta. “Isso vai fazer a diferença”, destaca.
 
A partir de agora, a cidade se prepara para estabelecer novas formas de monitoramento, segundo o gestor, para trazer ainda mais segurança para toda a cidade. “Este é o início de um projeto maior”.
 
 
Novas instalações
 
A 10ª Orquivárzea ocorreu em uma área com 23 mil mt², que conta com um espaço exclusivo de exposição de orquídeas, de 600 mt². No mesmo ambiente, estão expostas fotos das obras da atual administração, como prestação de contas à população. 
 
A festa também contemplou um grande parque de diversões, praça de artesanato e uma praça de alimentação, com 16 barracas de alimentação, divididas em uma área de 3 mil mt². Tudo isso além do Espaço Criança, onde foram oferecidas pintura de rosto e atividades interativas, e estacionamento com mais de 6 mil mt².
 
A área é quatro vezes maior do que a do ano passado e trará mais segurança ao público, segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ernaldo Artur. “As famílias, as pessoas que estão aqui vão sentir isso”.
 
O novo local da festa fica anexo ao espaço do Centro de Artes e Esportes Unificados (CEUs), localizado entre a Rua João Póvoa e a Avenida Ipiranga – Jardim do Lar, Várzea Paulista. O trecho que faz parte do CEUs já é da Prefeitura e o restante é resultado de um contrato de comodato, feito pela empresa Fionda (cessão à administração, por tempo indeterminado, sem custos).
 
 
Variedade e qualidade
 
O público pode conferir mais de 3 mil flores, de expositores da Argentina e de 25 cidades do Brasil. O evento continuou com o já tradicional Expresso Orquidário, que leva as pessoas para conhecer o Orquidário Biorchids, os estandes de vendas de orquídeas e as oficinas de cultivo da flor. 
 
 
Doação ao Fundo Social de Solidariedade
 
A entrada da festa, mais uma vez, foi franca, mas a população poderá colaborar com o Fundo Social de Solidariedade, doando 1 quilo de alimento não perecível. Os alimentos serão doados para instituições da cidade, como APAE, Casa Transitória e SOS.