Eduardo inaugura UBS do Jardim Promeca com a presença do ministro Alexandre Padilha

Casa Civil - Destaques

Na ocasião, Padilha assinou a autorização para o início da licitação de construção de mais três UBS no município

O prefeito de Várzea Paulista, Eduardo Tadeu Pereira, inaugurou neste sábado (1º), ao lado de seu vice, Lula Raniero, a nova Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Promeca. A cerimônia contou com a presença do Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que também assinou ordem de repasse de recursos para investimentos em UBS nos bairros Cidade Nova II, Vila Santa Terezinha e São José.

A nova unidade passa a ser a maior do município e atenderá 12 mil pessoas da região da Promeca. Além disso, o local substitui os dois prédios que eram utilizados para as consultas.     O novo prédio abriga consultórios de pediatria, ginecologia, clínica geral, enfermagem e duas salas para odontologia. Haverá também espaços para acolhimento dos pacientes, dispensários, imunização, inalação a sala para grupos e equipes. O investimento no local foi de R$436.449,19, provenientes de recursos do Governo Federal.

Para o prefeito Eduardo, a inauguração da nova UBS é motivo de alegria para a população do Jardim Promeca. “Estamos entregando mais uma unidade de saúde na cidade, a maior delas e também totalmente equipada. Este é mais um motivo de orgulho para os cidadãos varzinos e um grande acontecimento, o que é comprovado com a presença do Padilha. Pela primeira vez na história de Várzea Paulista um ministro vem para inaugurar uma UBS”, avalia. Para ele, a área da saúde avançou significativamente nos últimos anos. “Hoje temos UBSs equipadas e ampliadas, um hospital público com profissionais qualificados e podemos oferecer serviços de qualidade aos moradores.”

O Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, que também é presidente do Conselho Nacional de Saúde, ressaltou o compromisso da pasta com a atenção básica à saúde. “Para que as pessoas tenham saúde é preciso levar os serviços para perto dos locais em que elas vivem. Este é o papel dessa UBS, levar os serviços para perto das pessoas do bairro”, afirmou. Ele ainda elogiou os avanços na Saúde de Várzea Paulista e em todos os outros setores. “Fico satisfeito de ver como o Eduardo está mudando essa cidade para melhor. A Saúde de um grande salto de qualidade e hoje a cidade já tem um hospital público. Quero estar aqui no ano que vem para a inauguração da maternidade e vamos incluí-la da Rede Cegonha, do Governo Federal”, garante, referindo-se ao novo modelo adotado pelo SUS de atenção ao parto, nascimento e atenção à saúde da criança, visando a garantia do acesso e a redução da mortalidade infantil e neonatal.

Padilha também apresentou a nova proposta do Ministério da Saúde para resolver a questão da falta de médicos. “Todos os prefeitos enfrentam o dilema da dificuldade de contratação de médicos. Por isso, criamos políticas de incentivo,   como conceder descontos aos profissionais que se formaram através do crédito educacional pelo tempo que ele atender no SUS”, prevê.

Para o vice-prefeito, Lula Raniero, a nova UBS vai facilitar o acesso dos moradores aos serviços da saúde. “Os serviços serão ampliados e o acesso facilitado para beneficiar todos os usuários do SUS na região. Aumentamos muito o acesso à saúde nos últimos anos e, o mais importante, oferecemos serviços de qualidade”.

O secretário de Saúde, Luis Fernando Tofani, destacou que a UBS é um símbolo do trabalho dos profissionais da pasta no “bairro onde nasceu Várzea Paulista”. Para ele, “a inauguração é mais um símbolo da nova fase que vive a saúde de Várzea Paulista”.

O evento de inauguração contou com participação de moradores do bairro que acompanharam o cerimonial. Para José Ribeiro, que mora na Promeca há 30 anos, houve uma evolução na garantia dos serviços da área da saúde. “Hoje chegou para nós um espaço novo para saúde. É sem dúvidas um grande ganho para a população. O prédio tem uma boa infraestrutura e o layout foi muito bem planejado”. Para a gerente da UBS, Lilian Pacheco, a nova unidade vai garantir “a melhoria no atendimento e o estreitamento dos vínculos com a sociedade em um ambiente confortável e bem estruturado”, contou.

Outras cidades beneficiadas

Os prefeitos das cidades de Atibaia, Araras e Arthur Nogueira também participaram do evento e na ocasião assinaram com o ministro a autorização para o início de licitação para construção de UBS em suas cidades.
    
Padilha também anunciou na ocasião a construção de 118 Unidades de Pronto Atendimento (UPA) no estado de São Paulo. Uma delas será construída em Várzea Paulista. “Consta em nossas pesquisas que nas cidade em que as UPAs já estão em funcionamento há uma redução significativa de sobrecarga nos hospitais”, informa.
    
O ministro também destacou como uma das principais bandeiras de seu ministério a luta contra o crack. “Vamos investir pesado no combate ao uso do crack. Esse é um grande problema no nosso país, por isso vamos ampliar o atendimento nesse campo”.