Assembleia da Região IV do OP tem votação acirrada

Casa Civil - Destaques

Três dos seis pacotes de demandas votados na noite desta terça-feira (23) no Ginásio Ayrton Senna foram disputados voto a voto pela população da Região IV do Orçamento Participativo. O pacote 3 venceu por uma diferença de 4 votos

Mais uma região definiu suas prioridades na terceira fase do Orçamento Participativo de Várzea Paulista. Na noite desta terça-feira (23) foi vez dos moradores da Região IV, que integra os bairros: Santa Terezinha; Jardim Primavera; Maria de Fátima; Jardim Buriti; Jardim Itapuã e Vila Santa Catarina, comparecerem à Assembléia Regional e votarem as demandas que estavam divididas em seis pacotes. Além da população, compareceram ao Ginásio de Esportes Ayrton Senna Silva, o prefeito Eduardo Pereira, o vice-prefeito Lula Raniero e vários secretários municipais, entre eles Giany Povoa, secretária de Desenvolvimento Social, pasta responsável pela organização do OP.

O prefeito Eduardo Pereira aproveitou o encontro de moradores para falar um pouco dos investimentos feitos nos últimos anos e destacar algumas das obras que foram realizadas pelo Orçamento Participativo na região, como: construção da Praça da Bíblia; construção de uma via entre as Ruas 1º de Maio e 21 de Abril; recapeamento da Rua Olívio Moro no Jardim Buriti; pavimentação da Rua João Musseli no Jardim Maria de Fátima. Outras obras foram executadas no Jardim Primavera, entre elas: reestruturação da Rua Pedro Gutierrez, iluminação de vielas do bairro e também a conclusão do Campo de Malha. “A população já escolheu 130 demandas na cidade. Esta região conseguiu obras importantes, inclusive, a Praça da Bíblia, que foi a primeira obra do OP entregue à população. Tivemos ainda a construção da ponte na Avenida Ipiranga e a cobertura da EMEI Santa Terezinha”, acrescenta Eduardo.

O vice-prefeito, Lula Raniero, destacou o quanto a população de Várzea Paulista vem sendo importante no processo de desenvolvimento da cidade. “O governo do prefeito Eduardo vem mudando a lógica da cidade e sendo modelo de gestão popular para as cidades da região. Prova disso é o Orçamento Participativo que vem sendo implantado por municípios vizinhos. Vocês já conquistaram muitas coisas importantes com sua participação mas ainda vão conquistar muito mais”, incentivou Raniero.
 

Obras para Vila Santa Terezinha

Das 72 pessoas que votaram, 59 depositaram suas cédulas nas urnas dos pacotes 2, 3 e 4. A terceira maior votação ficou para o pacote 2 com 17 votos, enquanto o pacote 4 recebeu a preferência de 19 eleitores. Com 23 votos, apenas quatro a mais que o segundo, foi eleito o pacote de nº 3, contemplando as seguintes demandas para a Vila Santa Terezinha: recapeamento da Rua Valentina de Castro – depois da Av. Fernão Dias Paes Leme até a Rua Pedro Musselli -, no valor de R$ 180 mil. O segundo pacote mais votado, contemplava, também,  demandas de infraestrutura para ruas da Vila Santa Terezinha, enquanto o pacote 2 previa melhorias na quadra da EMEF João Batista Nalini, no Jardim Buriti. O pacote 5 teve sete votos, enquanto os pacotes 1 e 6, receberam três votos cada.

Participação consciente

Os participantes comemoram a possibilidade de poder decidir as demandas do Orçamento Participativo em sua região. “Acho muito bom esta forma democrática de decidir um pouco das obras na cidade. Meu voto foi para conseguir o asfalto da Rua Emancipação e faltou pouco para ganhar. Mas, de qualquer forma, o pacote 3 também contempla o nosso bairro e a região como um todo”, pondera José da Silva, morador do Jardim Santa Terezinha há dez anos. Este mesmo pensamento é dividido por João José Luchesi, que mora no Jardim Primavera há 30 anos: “A Rua Emancipação é uma artéria importante no trânsito da cidade, mas também entendo que todas as demandas levantadas pelo OP na região foram escolhidas pelo critério prioridade”, concorda.

Os Conselheiros

Nos Conselheiros escolhidos para representar a região IV no COP – Conselho do Orçamento Participativo, no período de 2012, foram: Antônio Tibúrcio de Lima Neto; Jandira Biagio; José Julio Medeiros Xavier; Maria Magda Ávila Brito; Ricardo Cervelin e Rosalina Luchesi.

As próximas Assembléias Regionais da 3ª fase do Orçamento Participativo seguem a seguinte programação:  25/08 (quinta-feira) – Região 5 -, na Emef São Miguel Arcanjo; 1/09 (quinta-feira) – Região 3 -, na Emef Palmyra Aurora D´Almeida Rinaldi e no dia 8/09 (quinta-feira) – Região 6 -, na Emef Erich Becker. Todos os encontros são realizados às 19 horas.