nome da pagina

Avenida Fernão Dias Paes Leme recebe sondagem

Precisão das profundidades de instalações de água e eletricidade, que estão presentes no projeto, foram confirmadas

 

A Prefeitura de Várzea Paulista gerenciou, nesta sexta-feira (9), uma sondagem na Avenida Fernão Dias Paes Leme, no lado oposto ao empreendimento Chácara Mall. Com o apoio de profissionais da Sabesp e CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz), a equipe perfurou a via e fez as medições necessárias, para confirmar as profundidades, presentes no projeto executivo, de instalações subterrâneas de água potável e energia elétrica, das respectivas concessionárias. Após saber as medidas precisas, algo fundamental para organizar o trabalho de instalação de aduelas no local (parte do pacote de obras do Córrego Bertioga), que terá início em algumas semanas, o projeto executivo foi mantido de forma integral.

 

A cavidade aberta para as medições foi de aproximadamente 3,7 metros de profundidade. Após o serviço, realizado com sucesso e segurança, foi feito o aterramento do trecho e compactação do solo no trecho cujo solo havia sido retirado.

 

 

 

Os agentes lançaram uma camada de resíduos da construção civil, para a liberação do tráfego de veículos no lado da via que está em obras. O material provisório foi necessário para que a via voltasse a ter condições de tráfego, antes dos trabalhos definitivos subterrâneos, que se iniciarão muito em breve.

 

Os desvios necessários para os condutores foram devidamente sinalizados, ao longo da interdição, que contou com o trabalho de agentes de trânsito da Prefeitura.

 

 

 

 

Sobre a obra

 

Após uma nova licitação, a empresa licitada para retomar os trabalhos de macrodrenagem no Córrego Bertioga iniciou suas atividades na semana passada. Em algumas semanas, terá início a troca da tubulação existente, sob a Avenida por linhas de aduelas, para aumentar a capacidade de escoamento.

 

A finalização da estabilização das laterais e canalização entre a Avenida Fernão Dias Paes Leme e Rua Atroaris, com a manta de gabiões (estrutura de pedras) concretada, nas encostas e fundo do córrego, já teve início. Os serviços preliminares para a construção do reservatório (piscinão) próximo ao antigo Sítio dos Padres também estão sendo executados (foto abaixo).

 

 

 

O contrato feito com a construtora também prevê a conclusão da estabilização e canalização do córrego, entre as Ruas Atroaris e Potiguara.