nome da pagina

Esposa de um campeão

 

Neide Rodrigues da Silva Gonçalves, de 77 anos, mudou-se para Várzea Paulista no dia 15 de abril de 1961. Ao ser questionada sobre o detalhamento da data, a justificativa é simples. “Foi o dia em que me casei”. Neide foi esposa de José Gonçalves, o Zé Português, um dos mais conhecidos atletas do Futebol Amador da região entre as décadas de 50 e 60.

 

 

Suas lembranças se mesclam, entre o desenvolvimento da cidade e a carreira de sucesso do marido. “Lembro que as estradas eram todas de terra, as casas eram simples, com cercas de bambu. Aqui era muito tranquilo, as pessoas andavam de charrete e a vida seguia tranquila”, lembra. “O Zé gostava muito de jogar, estava sempre participando de algum campeonato. E na maioria das vezes, ele vencia”, fala orgulhosa.

 

José Gonçalves era lateral direito e jogou por vários times do futebol amador de Jundiaí, Várzea Paulista e Campo Limpo. Sua carreira nos campos teve início em 1955, no clube varzino São Jorge. Em 1961, jogou pela Associação Atlética Promeca, sendo campeão invicto do campeonato amador. Também disputou por esse time a 2º e 3º divisão dos profissionais. Já em 1965, Zé Português se tornou campeão no futebol amador da primeira divisão e ganhou a taça Cidade de Jundiaí.

 

 

A viúva do jogador destaca que foram bons anos. “Durante esse tempo, a cidade mudou muito, cresceu, ganhou asfalto, comércio, transporte. São quase 60 anos vivendo aqui, tenho muito carinho pela cidade que me acolheu”, finaliza Neide.